Home » Putrajaya na Malásia, uma das cidades mais novas do mundo

Putrajaya na Malásia, uma das cidades mais novas do mundo

by Brazil Expat

Por Chinima Campos, jornalista

Se você estiver em Kuala Lumpur e tem dois dias livres, recomendo separar um dia para conhecer “Putrajaya”, uma das cidades mais novas do mundo. A cidade foi toda projetada para ser a nova sede do governo. Possui edifícios e parques super modernos, e também a “Pink Mosque”, uma mesquita novíssima e toda rosa, que fica bem de frente para um rio. Fica pertinho de Kuala Lumpur e dá pra ir de metrô, leva cerca de uma hora.

O outro dia, você pode reservar para conhecer “Genting Highlands”, a região serrana de Kuala Lumpur. Dá para ir de ônibus ou transporte por aplicativo, também fica distante cerca de uma hora. Lá tem um outlet e um teleférico que dá acesso a um templo budista e um complexo, onde ficam o maior hotel do mundo, cassinos, shoppings e muitos parques externos e internos. E o melhor: faz friozinho nesse lugar, então lembre de levar um casaco!

Fotografia arquivo pessoal – Genting Highlands

 

Chowkit Market

Se sobrar um tempinho ou se quiser mudar a programação para um passeio menos turístico, vale muito a visita ao mercado “ChowKit”. É nesse mercado que você realmente vive a cultura malaia, conhece o povo e observa a vida local acontecendo fora do roteiro turístico da cidade! O mercado é dividido em duas partes: uma com peixes, frutos do mar e carnes frescas, e outra com frutas, legumes e verduras.

Fotografia arquivo pessoal – Chow Kit

 

Chow Kit respira a cultura local, a tradição dos antigos mercados úmidos da Ásia que resistem à expansão das cidades. É um mergulho nas culturas malaia e chinesa, uma mistura de cores, cheiros, sons e sabores! Uma verdadeira experiência sensorial!

É pé no chão molhado de água suja de peixe, frangos abatidos na hora, frutos do mar chegando e saindo, cheiro de açougue misturado com o perfume das frutas frescas. É vendedor gritando para tentar ganhar o cliente enquanto molha as verduras com cores vibrantes ou para para moer o gengibre, açafrão e curry.

É turismo para os fortes! Uma imersão na vivência local!

Estou apaixonada por esse lugar? Muito!

 

 

Chinima Campos, roteirista de TV, capixaba, esposa do Dudu, mãe da Duda e da Cecília, e taurina apaixonada por comida, cultura, viagens, fotografia e pessoas.

Related Articles

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept